Qual a melhor vitamina indicada para idosos?

Há um maior interesse em saber qual a melhor vitamina indicada para idosos, particularmente em razão da deterioração da massa muscular e óssea.

Por isso, é primordial ter uma alimentação sadia e equilibrada ao longo de nossas vidas, isso se torna ainda mais importante quando envelhecemos.

Na verdade, não existe apenas uma vitamina, mas várias, que ajudam a manter o bom funcionamento do organismo e assim, evitar o surgimento de doenças.

Portanto, preparamos uma lista com as principais vitaminas que devem fazer parte do dia a dia de pessoas idosas, o que contribuirá para uma melhor saúde geral!

Qual a melhor vitamina indicada para idosos?

Assim como crianças, jovens e adultos, as vitaminas representam um papel importante para a proteção do organismo contra diversas doenças.

No entanto, quando a pergunta é qual a melhor vitamina indicada para idosos, não podemos nos limitar a apenas uma, mas um conjunto delas. Por isso, a alimentação ajuda a prevenir problemas na saúde.

Sendo assim, para você entender as propriedades de cada vitamina, vamos enumerar aqui as mais importantes para pessoas da terceira idade:

1. Vitamina B1 para um coração saudável

A vitamina B1 serve para otimizar as funções do sistema cardiovascular, assim como as células do sistema nervoso central.

Por isso, após os 60 anos, pode haver uma deficiência dessa vitamina, que pode se manifestar por:

  • Perda de apetite;
  • Taquicardia.

2. Vitamina B9 para preservar a memória

Essa vitamina é importante para o crescimento celular e também para o funcionamento do sistema nervoso.

Os idosos que sofrem de depressão, problemas cognitivos ou Alzheimer, geralmente apresentam níveis baixos de vitamina B9.

3. Vitamina B12 para a saúde do cérebro

Quando a pergunta é qual a melhor vitamina indicada para idosos para a saúde do cérebro é a vitamina B12.

Presente no fígado e crustáceos, a vitamina B12 age combatendo a anemia.

Quando um idoso tem um déficit de vitamina B12 pode ter uma fadiga intensa, fraqueza muscular e lapsos de memória.

4. Vitamina C para fortalecer o sistema imunológico

A vitamina C é repleta de benefícios. Além de nos proteger de infecções bacterianas e virais, fortalece o sistema imunológico, que é mais frágil em idosos.

Laranjas, kiwi, framboesa, lichia e a polpa de acerola são alimentos ricos em vitamina C.

Além disso, a vitamina C ajuda a absorver melhor o ferro, que é vital para os idosos que sofrem de anemia.

5. Vitamina D para melhor saúde dos músculos e ossos

O papel da vitamina D é principalmente fixar o cálcio nos ossos.

Em idosos, a vitamina D ajuda a prevenir a osteoporose e a diminuição da força muscular, além do diabetes tipo 2, certas doenças cardiovasculares e alguns tipos de câncer.

Sendo assim, a fonte principal da vitamina D é o sol. Daí a importância de pegarmos sol pelo menos 10 minutos por dia.

Portanto, também pode ser encontrada no leite e derivados, ovos e certos peixes de água salgada.

6. Vitamina A para a saúde da visão

Quando falamos em qual vitamina indicada para idosos para melhorar a saúde da visão é a vitamina A.

Mas também fortalece o sistema imunológico, reduzindo o risco de infecções, assim como atua na manutenção dos tecidos da pele.

Cenoura, espinafre, fígado, gemas de ovos e óleos de peixes são ricos em vitamina A.

7. Vitamina E para combater o envelhecimento precoce

A vitamina E, poderosa antioxidante, ajuda a combater os radicais livres, atuando na prevenção de uma série de doenças.

Por exemplo, doenças vasculares e degenerativas, além de fortalecer a imunidade.

Facilmente encontrada em frutos secos e óleos vegetais, como o azeite de oliva e óleo de girassol.

Quais os minerais importantes para os idosos?

Primeiramente, além de todas as vitaminas listadas acima, os minerais também são muito importantes, entre os quais podemos destacar:

Cálcio:

Essencial para as mulheres, o cálcio age na prevenção da perda óssea, que pode causar a osteoporose após a menopausa. Os homens também podem ter, mas a perda de densidade óssea é mais tardia.

Tomado em associação com a vitamina D, sua absorção é otimizada.

Zinco:

O zinco representa um papel chave na imunidade, cicatrização, paladar e olfato.

Também participa de uma centena de reações enzimáticas do corpo.

Magnésio:

Ajuda a regular a taxa de glicemia dos idosos e seria benéfico no tratamento do diabetes tipo 2.

Por outro lado, seu impacto é positivo na densidade óssea, pressão arterial, funções nervosas e musculares.

Ácidos graxos ômega 3 e DHA:

Os benefícios dos ácidos graxos e DHA para os idosos são principalmente para o coração e cérebro.

Eles reduzem a secura ocular, atenuam as dores e complicações ligadas à poliartrite reumatoide e agem nos sintomas depressivos.

Potássio:

Outro mineral essencial para a terceira idade é o potássio, pois participa na redução dos níveis de sódio no organismo, bem como no combate à constipação.

Age também no controle da pressão sanguínea e na contração muscular.

Ferro:

Já o ferro é responsável por auxiliar o sangue no transporte do oxigênio pelo corpo.

Por isso, a carência de ferro pode provocar cansaço, dificuldade de concentração, baixos níveis de oxigênio, e em alguns casos, anemia.

Leia também: Qual O Melhor Inversor De Solda Profissional? Guia Completo!

Qual a melhor vitamina indicada para idosos: conclusão

Sendo assim, como você viu, é possível dizer qual a vitamina indicada para idosos, já que várias vitaminas são essenciais para a saúde de pessoas da terceira idade.

Portanto, como cada idoso tem suas próprias necessidades e carências, é fundamental consultar um médico para avaliar qual vitamina precisa ser reposta e a dosagem correta!

 

Siga nosso portal útil e fique informado.

você pode gostar também