Medicamentos similares são confiáveis?

Comprar medicamentos pode ser um desafio para famílias mais pobres. Sabemos que dependendo do medicamento necessário, o valor pode ser extremamente alto, e claro, remédios para dores do dia a dia como musculares ou de cabeça acabam sendo um gasto regular também. 

Por isso o uso de medicamentos similares são uma ótima alternativa para gastar menos e resolver o problema mesmo assim. Mas existem pessoas que têm suas dúvidas quanto à confiabilidade e eficácia desses medicamentos similares, e por isso hoje vamos explicar aqui se medicamentos similares são confiáveis.

O que é um medicamento similar?

Um medicamento é considerado similar quando possui o mesmo princípio ativo que o medicamento considerado referência.

O medicamento similar precisa passar por testes laboratoriais a fim de comprovar sua equivalência, exatamente da mesma forma que os genéricos. E após concluído esse processo, eles são chamados de similares equivalentes ou então de similares intercambiáveis.

Lembrando que a Anvisa tem uma lista que é frequentemente atualizada dos medicamentos similares que possuem comprovação científica de equivalência.

Qual a diferença entre um medicamento Referência, Genérico e similar?

Muitas pessoas podem não saber qual a diferença exata de um medicamento referência para suas contrapartes, e podem nem saber que de fato existe uma diferença entre o genérico e o similar.

Referência

O medicamento considerado referência é o original detentor da patente original do medicamento em questão. É o que passou por todo processo de ser descoberto, estudado, testado, produzido e após ter sua eficácia comprovada é finalmente liberado para o uso. Por ser a fórmula original acaba sendo mais caro.

Genérico

As diferenças entre o genérico e o similar começam no fato do genérico de determinado medicamento só poder existir após 20 anos contando do momento do registro do medicamento referência. Isso porque o genérico nada mais é que uma cópia e só pode existir legalmente após a patente do medicamento referência expirar.

Lembrando que o genérico precisa passar também por provas de eficácia para que possa ser comercializado, portanto se ele está nas prateleiras, é porque a Anvisa está afirmando que o medicamento é seguro para uso.

Por não ter marca, o genérico não tem um alto custo de produção e por isso acaba custando bem mais barato.

Similar

Como já dito antes, o similar é um outro medicamento que possui a mesma composição do referencial e também do genérico, e por sua vez também precisa de comprovação da eficácia. 

No caso do similar, assim como é com o referencial, ele é um medicamento que possui dono e recebe investimento, mas mesmo assim acaba custando menos que o referencial, já que a ideia é exatamente criar uma competitividade no mercado.

É seguro comprar medicamentos similares?

Caso você ainda esteja em dúvida quanto a confiabilidade dos medicamentos similares, temos que pensar em um fator que deve ser definitivo na hora de escolhermos um similar ao invés de um referencial. O fato de.similares também serem regulamentados pela Anvisa

A Anvisa é a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, sendo o órgão nacional que tem como objetivo zelar pela proteção da saúde de todo o Brasil. Por isso eles são severos com suas regulamentações e também com suas fiscalizações.

Com isso, eles controlam de forma sanitária toda produção, distribuição e também comercialização de medicamentos no País, e isso engloba não apenas os similares como também os próprios medicamentos de referência.

Isso significa que um medicamento similar precisa passar pelos mesmos testes que um referência, sendo aprovado e tendo sua eficácia comprovada através dos mesmos métodos, o que torna eles tão confiáveis quanto.

As únicas diferenças reais entre um medicamento similar é um medicamento referência é a marca que detém a patente, sendo assim você vai notar diferenças pequenas entre os dois, como prazo de validade dos medicamentos, diferenças nas embalagens uma vez que são vendidos por empresas diferentes, diferenças na rotulagem, no tamanho e também na forma do produto.


Todas diferenças que não tem nenhum poder sobre a eficácia e qualidade final do produto.

Saiba como economizar

Comprar medicamentos similares é só o primeiro passo para se economizar em uma compra. É preciso também escolher bem onde comprar, afinal o preço dos medicamentos vai variar de acordo com onde você escolher comprar.

O ideal é que você escolha empresas com experiência no ramo e tempo de mercado suficiente para conseguir bons preços, como a Drogaria Ponto Certo, que possui mais de 20 anos de experiência no ramo, sempre com promoções excelentes em medicamentos referência, genéricos e similares. E todos podem ser comprados através da internet e entregues em casa. 

Lembrando também que existe desconto para a primeira compra. Acesse o site da Ponto Certo e saiba mais.

Agora que você já sabe que dá para confiar nos similares, é só pesquisar bem e saber qual similar vai solucionar o seu problema. Sempre tome cuidado com medicamentos, leia a bula e sempre siga as orientações médicas.

você pode gostar também