Ethereum é a segunda criptomoeda mais capitalizada do mercado e a primeira blockchain criada para construir contratos inteligentes.

Logo, é natural que a sua moeda, o ether, seja, atualmente, uma das melhores moedas para investir. Mesmo assim, muitas pessoas ainda não conhecem o ethereum.

Sendo assim, neste artigo, você vai descobrir o que é ethereum e como adquirir a criptomoeda. Acompanhe!

O que é ethereum

Para quem ainda não entende a fundo é comum confundir ethereum e ether. No entanto, o ethereum é, na verdade, uma plataforma para criar aplicativos descentralizados, contratos inteligentes e onde se pode negociar o ether, moeda da plataforma e tokens.

A plataforma usa tecnologia blockchains, que surgiu com o bitcoin, a criptomoeda mais conhecida, e foi criada por Vitalik Buterin, programador canadense, em 2013. 

As atividades da plataforma iniciaram em 30 de julho de 2015 com 11.9 milhões de Ethers pré-mineradas do ICO.

A partir daí, a plataforma atraiu curiosos, pesquisadores, empreendedores e programadores que desejam desenvolver projetos através da blockchain e da tecnologia do Ethereum.

Assim, o Ethereum tornou-se a criptomoeda com a segunda maior capitalização do mercado, ficando atrás do Bitcoin.

Como adquirir ethereum

Existem 3 formas de negociar ethereum: através de corretoras de criptomoedas, EFTs e

fundos de investimentos.

Corretoras de criptomoedas

As corretoras de criptomoedas ou exchange são instituições que intermediam transações na plataforma Ethereum. Por isso, elas cobram uma taxa de corretagem, através de um percentual sobre o serviço.

A vantagem da exchange é que ela oferece aos investidores acesso a várias criptomoedas e contratos. Além disso, o usuário tem acesso a todas as informações sobre valores e cotações. Logo, o investidor tem autonomia e liberdade para fazer suas escolhas em ethereum.

Portanto, utilizar uma corretora é a forma mais segura de adquirir ethereum, mas ainda assim, existem riscos que devem ser considerados. 

EFTs

Também é possível adquirir ethereum através dos ETFs (Exchange Traded Funds), que são Fundos de Investimentos negociados na Bolsa de Valores (B3).

Eles aplicam o dinheiro de seus cotistas em ativos visando monitorar o desempenho de algum índice de mercado como referência – ou benchmark.

Fundos de investimentos

Quem faz investimentos no mercado tradicional já está familiarizado com os fundos de investimentos. Aos poucos, eles passaram a oferecer criptomoedas, como o ethereum.

Neste caso, o investidor juntamente com o gestor  do fundo, decide como odinheiro será aplicado.

Vantagens do ethereum

Veja abaixo as vantagens de investir em ethereum em relação a outras criptomoedas.

  • Baixa escassez

A ethereum foi criada sem limite de impressão, embora isso possa mudar. A plataforma nasceu com 72 milhões de moedas distribuídas entre a Fundação Ethereum, desenvolvedores, pré-investidores e participantes do ICO.

  • Aplicações diversas

Sua estrutura conta possui mais camadas de proteção em relação a outras criptomoedas e executa programas automaticamente. Por isso, realiza aplicações mais complexas através de infraestrutura compartilhada.

  • Mais rápida

A rede blockchain possui blocos de informações que carregam sequências de dados contendo as movimentações financeiras. 

Assim, enquanto no bitcoin é possível encontrar um bloco a cada 10 minutos, no ethereum o prazo reduz para 13 segundos. Dessa forma, as transações são mais rápidas pelo sistema.

Porém, isso muda ao movimentar grandes quantias. Ou seja, enquanto no bitcoin o prazo chega a 50 minutos, na ethereum pode chegar a 70.

Conclusão

Desde a sua criação, a ethereum vem ganhando espaço no mercado e hoje é a segunda maior capitalização do mercado.

Isso porque a moeda não possui limite de impressão, oferece mais camadas de proteção, além da  possibilidade de realizar transações de forma mais rápida.

Além disso, é possível adquirir ethereum através de uma corretora ou exchange, que é a forma mais segura, dos ETFs  e dos fundos de investimentos. No entanto, também é possível fazer essa transação entre usuários e sem intermediários, e por isso, sem taxas, porém com mais riscos.

O que você achou disso?

Média da classificação 0 / 5. Número de votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este post.

Compartilhe.
Avatar de Cristina Leroy Silva

Formada em letras pela UNICURITIBA, Cristina Leroy começou trabalhando na biblioteca da faculdade como uma das estagiárias sênior. Trabalhou como revisora numa grande editora em São Paulo, onde cuidava da parte de curadoria de obras que seriam traduzidas/escritas. A 4 Anos decidiu largar e se dedicar a escrever em seu blog e sites especializados.