Como saber se a bolsa é original ou réplica perfeita?

O desejo de muitas pessoas é ter uma bolsa de grife, mas por serem caras, muitos investem em uma réplica que pode ser quase perfeita. No entanto, é importante saber identificar quando essa bolsa é original e quando é réplica perfeita.

Bem, mesmo que para ter esse acessório pareça ser algo “impossível”, saiba que não é. Uma vez que existem opções de grandes marcas por preços mais acessíveis.

Logo, se você quer ter uma ou pretende adicionar outra à sua coleção, a chance de fazer isso é bem grande. Pensando em lhe ajudar com isso, preparamos esse conteúdo para lhe auxiliar a ficar atento aos mínimos detalhes e saber identificar quando é uma bolsa original e quando é cópia.

Ficou interessado? Então continue lendo este e descubra as diferenças entre o acessório original e a réplica.

Como identificar uma bolsa original e uma réplica perfeita?

A réplica perfeita de uma bolsa de grife é uma alternativa, principalmente sabendo que uma versão original do acessório é tão cara. Logo a réplica acaba sendo uma saída para ter um modelo daquela marca que tanto admira.

Sabe-se que as bolsas de grifes têm os preços mais variados, onde elas podem ir de 10 mil a 1.5 milhões de reais. Alguns modelos chegam à custar até 3,8 milhões.

Isso tudo por conta do material que costuma ser de altíssima qualidade. Bem como a mão de obra, pois muitas dessas empresas optam por um serviço artesanal.

Por conta de valores tão altos, acontece de surgirem muitas cópias ao redor do mundo. Uma vez que todo mundo quer um acessório das grifes mais famosas que existem.

Os modelos que possuem os maiores números de falsificação são a Chanel Flap Bag e a Louis Vuitton Monogram Bag. Visto que essas são as opções mais desejadas pelos consumidores.

Antes de mais nada, é importante que você saiba que as grifes não aceitam erros na hora da confecção, principalmente em suas costuras, tudo deve estar excelente.

Por isso fique de olho caso observe em uma bolsa alguma mancha de tinta, costuras soltas, estampas fortes são um sinal e muitos outros pontos. Caso observe algumas dessas “falhas” fique ciente que essa é uma falsificação.

Mas ainda existe a famosa réplica perfeita, que pode passar muito bem por uma original. No entanto, como já citamos, as grifes não toleram erros, então por mais perfeitos que esses produtos pareçam estar, sempre terá algo que irá entregar que é uma cópia.

Porém essa réplica acaba não sendo tão ruim assim. Pois elas acabam sendo mais acessíveis para muitas pessoas que desejam ter uma bolsa de grife.

Como identificar uma réplica de uma Chanel?

Bem, como foi citado acima, o modelo da Chanel é um dos favoritos do público. Essa é fácil de notar quando o modelo é uma cópia, pois a corrente costuma ser bem barulhenta, os zíperes tem o costume de enganchar e contam com fivelas que fazem um som bem alto.

Por outro lado, a versão original por ser feita a mão conta com costuras muito bem alinhadas. Possuem um cartão com código que certifica que o produto é autêntico, ainda acompanha um envelope em alto relevo com um cartão com alguns detalhes de tinta que tem como base ouro.

Existem empresas que conseguem fazer uma réplica tão boa que a tornam quase perfeita. Bem, se você não procurar por falhas nem irá se dar conta.

Uma dica bem importante sobre o modelo na cor preta e que pode lhe ajudar a identificar se é uma cópia ou não. A Chanel Flap Bag original possui a parte de dentro na cor bordô e nunca na cor vermelha.

Como identificar uma réplica de uma Louis Vuitton?

É importante que você saiba que as únicas partes em couro em boa parte dos modelos de uma Louis Vuitton é a alça. A qual acaba por mudar de tom conforme passa os anos, nesse caso o material fica mais escuro.

A LV não tem o costume de enviar cartões personalizados com o produto, mas o produto costuma ter uma espécie de código de data (date code) que fica em seu interior.

É nesse date code que ficam as informações de fabricação daquela peça, por exemplo, o mês e o ano de fabricação.

Um ponto importante para observar caso esteja suspeitando que o produto seja uma cópia, é a simetria das letras LV. 

Acontece que essas letras estão sempre muito simétricas, onde o L costuma ser um pouco menor que o V, caso elas estejam tortas ou não alinhadas saiba que o produto não é original.

Conclusão

Por fim, mostramos a você como identificar se um produto é uma cópia ou original. Fique de olho em cada detalhe na hora que for comprar o seu produto.

Bolsas de grife são caras, mas para muitos é um ótimo investimento. Uma vez que foram fabricadas para durar bastante tempo.

Existem pelo mercado réplicas que conseguem ser muito bem feitas que suas falhas passam despercebidas. Por terem um preço mais acessível costumam atrair os olhares dos consumidores.

Gostou desse conteúdo? Esperamos ter lhe ajudado em sua busca, deixe seu comentário caso tenha alguma dúvida, ficaremos felizes em ajudar.

 

você pode gostar também